Adbox

venerdì 8 febbraio 2013

Cosa aspettarsi da questo popolo?



Da O Mascate
In un paese dove lo Stato deve fare una campagna educativa per insegnare al popolo che non deve urinare per le strade durante il carnevale, non ci si può aspettare molto da questa popolazione.
Allora é meglio cambiare la politica…
Un popolo che non sa dove deve urinare, merita il DISgoverno che ha.
E non può reclamare di “prenderlo in quel posto” giorno e notte!
Show comments
Hide comments

7 commenti:

  1. Questa foto te le volevo mandare ieri sera !

    Franco,ma tu ancora non hai capito come vanno le cose qui?
    Il Governo spende centinaia di milioni in pubblicita' ( e in tanti,lo scandalo do mensalao ne e' la prova) ci mangiano sopra.
    Fatta la pubblicita' hanno "risolto" il problema,figurati se in tutti questi anni hanno mai provato a trovare una soluzione per le pisciate dei festosi piscioni allegri,come un adeguato numero di bagni chimici.

    RispondiElimina




  2. Mictório criado pela JTW, que estará dentro do banheiro, apagado e aceso após o usoDivulgação / Afroreggae


    RIO — A guerra contra os mijões na festa de Rei Momo vem de outros carnavais, mas a batalha deste ano contará com uma arma mais criativa e, quem sabe, eficaz. Enquanto o poder público aposta na repressão e em panfletos educativos para combater os foliões que insistem em urinar nas ruas da cidade, o Afroreggae tentará sensibilizá-los transformando o xixi coletado num mictório especial em energia. As baterias, que serão carregadas no processo de sucção da urina no momento da limpeza do banheiro, serão usadas no carro de som do bloco, que percorrerá a orla de Ipanema na segunda-feira.

    O banheiro adaptado será instalado na altura do Posto 9, ao lado dos equipamentos convencionais da prefeitura. Customizado com a campanha elaborada pela JWT para o Afroreggae, o banheiro já estará na orla, pronto para uso, no próximo sábado. O reservatório da urina conta com uma tecnologia similar à utilizada em hidrelétricas. A retirada do líquido fará girar um equipamento, e o movimento será convertido em eletricidade. A limpeza do banheiro ocorrerá no final dos dias de sábado e domingo.

    À medida que os foliões urinarem no equipamento, luzes vão se acendendo, simulando a geração de enrgia. Stefano Paduan, supervisor de atendimento da JWT, conta que a agência decidiu transformar em algo interessante e positivo o principal problema enfrentado pela prefeitura durante os festejos:

    — O grande mote é a cidadania, reconhecendo a atitude correta do folião que buscou um banheiro dando mais música para ele, já que as baterias serão usadas no carro de som. A ideia é educar as pessoas e reconhecer o bom hábito.

    O desfile do Bloco AfroReggae acontecerá na segunda de carnaval, das 10h às 14h, e percorrerá do posto 9 ao 8, na Avenida Vieira Souto, em Ipanema.



    RispondiElimina
  3. Ahahahahahah rir pra nao chorar! Cada vez mais desapontada com o meu povo!

    RispondiElimina
    Risposte
    1. Oi Taty. Ho letto il tuo ultimo post. Molto bello e rispecchia veramente alcune realtá dei nostri due paesi.
      Abraços!

      Elimina
  4. Nao é uma questao politica e nem de carnaval. Realmente é uma questao de educaçao pessoal. Podemos fazer uma longa lista de coisas como essa.

    http://osaltodabota.blogspot.it/2013/02/brasileiros-e-italianos-primos-distantes.html

    RispondiElimina
    Risposte
    1. Oi Salto, concordo com vc. A educação é a base de tudo, e com isso não quero dizer que os brasileiros não são educados, mas que cadaum tem um hábito diferente. Porem, como falou Benedetto, não custa muito colocar banheiros quimicos nas ruas durante o carnaval. Então acho que se a gente se comporta mal, em parte é culpa dos governo que não faz nada para melhorar o seu pais.

      Elimina
    2. Continuo dizendo que é uma questao de educaçao (e obviamente nao generalizo). Existem sim banheiros quimicos durante o carnaval e o fedor de xixi também (durante todo o ano). Nao sei se por preguiça, comodidade, praticidade... sei là.

      Elimina