Adbox

mercoledì 22 agosto 2012

Gli dei dell’Olimpo visitano Rio!


Io non capisco se veramente la gente non pensa o se i problemi se li vanno apposta a cercare.

Hanno appena passato il testimone dei Giochi Olimpici a Rio, e il video della canzone ufficiale proposto dai quei geni della Prefettura di Rio de Janeiro è già fonte di polemica.

Ma perché associare sempre il Brasile come il paese delle spiagge, delle belle donne e del samba? Perché mostrare un fantomatico dio greco Dionisio con un bicchiere di cerveja in mano, così ubriaco da cadere a terra? Più che un promo dei Giochi Olimpici sembra uno spot turistico su Rio. Non c’è nessun riferimento ai Giochi, nemmeno una allusione a qualche sport. Ma dove cazzo hanno la testa questi signori?

Cena com homem caindo de bêbado no clipe da Rio 2016 causa polêmica

Para diretor do vídeo encomendado pela Prefeitura do Rio, trecho não denigre a imagem da capital fluminense no exterior. Comente no final

Criado para apresentar a canção-tema das Olimpíadas de 2016, o clipe “ Os Grandes Deuses do Olimpo visitam o Rio de Janeiro” tem causado polêmica nas redes sociais. Além de não fazer referência a qualquer esporte olímpico ou mesmo às transformações que a cidade está vivendo, um trecho do vídeo lançado na segunda-feira mostra um homem caindo no chão nas proximidades da Central do Brasil com um copo de cerveja na mão, como se estivesse bêbado.

O personagem é interpretado pelo artista plástico Ernesto Neto, uma das celebridades convidadas a dar vida a alguns deuses da mitologia grega no clipe. Ele, no caso, interpretou Dionísio, divindade do vinho, daí viria a lógica de sugerir a embriaguez. Entre os outros famosos que aparecem no vídeo estão Rodrigo Santoro, como Apolo, o deus do sol, e Carolina Dieckmann, como Afrodite, a deusa do amor.

Na internet, a cena gera protestos. “Um vídeo que só fala de festa e com um cara bebendo e caindo não é uma boa imagem para ninguém. Esse vídeo também deveria mostrar as pessoas trabalhando”, lamentou a internauta Luana Ramos da Costa Bravo, no iG. “O foco deveria ser as Olimpíadas e não aumentar a divulgação da imagem que o estrangeiro tem do Rio: uma cidade da gandaia, bebedeira e favela”, protestou outro internauta, Herson de Souza.

Encomendado pela Prefeitura do Rio de Janeiro, o clipe foi dirigido por Estevão Ciavatta, da Pindorama Filmes. Para ele, a polêmica é desnecessária já que a cena não denigre a cidade no exterior.

“É uma coisa teatral, o Ernesto estava representando um deus. O que é ruim para a imagem do Rio são os mendigos e a falta de educação e saúde no Brasil que faz com que o País fique em 22º nas Olimpíadas. Não é uma pessoa beber cerveja”, alfinetou, citando a posição que o Brasil ficou no quadro de medalhas nos Jogos de Londres.

Entre as críticas feitas à cena está o fato de mostrar bebida alcoólica em vídeo feito para exaltar a chegada de uma competição de práticas esportivas, geralmente associadas à saúde. Ciavatta ressaltou, no entanto, que o vídeo não é institucional e, sim, artístico.

“O trecho em questão é muito pequeno. O clipe tem outros valores passados que são tão fortes quanto. Para mim, é um clipe da alma carioca. Encarei dessa maneira. Não estou encarando como um convite ao esporte. E, sim, um convite à cidade aos deuses do Olimpo”, argumentou o diretor, marido da atriz Regina Casé, que também participa do clipe.

Procurada pela reportagem, a Prefeitura do Rio de Janeiro não se manifestou sobre o assunto. Pasta responsável pelo vídeo, a Secretaria Municipal da Casa Civil não informou como será a estratégia de divulgação e nem quanto foi gasto na produção.

A polêmica com o trecho do deus grego embriagado não foi a primeira envolvendo o clipe oficial que marca o início da contagem regressiva para as Olimpíadas Rio 2016. Torcidas do Fluminense e Botafogo ficaram indignadas com o fato de aparecerem apenas Flamengo e Vasco no vídeo. Entre as escolas de samba, só Portela e Vila Isabel foram prestigiadas, gerando reclamações de outras agremiações do carnaval carioca.

Show comments
Hide comments

9 commenti:

  1. Ma perché associare sempre il Brasile come il paese delle spiagge, delle belle donne e del samba? a questa tua frase occorre dare un seguito.

    Quando sono gli stranieri ad associare il Brasile alle spiagge alle belle donne e al samba, subito i brasiliani si ergono come un muro compatto a denunciare lo stereotipo, accusando gli stranieri di tutte le nefandezze di questo mondo.

    Ma quando una normale famiglia con marito, moglie e figli piccoli si reca a Rio de Janeiro, spesso nella sala di attesa dell'aeroporto viene accolta da nugoli di ragazze bronzeate, coperte con minuscoli pezzi di stoffa e con le chiappe orgogliosamente al vento. In quel caso si tratta di arte per accogliere i turisti.

    RispondiElimina
  2. Franco,

    Grazie per il chiarimento sul mio dubbio su chi è Dioniso.

    Sul video sono d'accordo su tante cose: il video rappresenta - nel bene e nel male - l'anima carioca; non mi piace l'abitudine delle autorità di incentivare l'imagine negativa sul Brasile; trattasi di un video artistico, e non istituzionale; che vadano a far video artistici coi loro soldi e chiamino Chico Buarque per fare un vero brano inteligente.

    :)

    RispondiElimina
  3. Sono un po meravigliata di questo video, anche se a questo mondo non bisogna piu meravigliarsi di niente. Da quando il Brasile sta diventando la sesta potenza mondiale l embratur sta cercando di fare di tutto per combattere lo stereotipo negativo della nazione, vedo comunque che sbagliare è umano perseverare è diabolico! Rosanna

    RispondiElimina
  4. Chico Buarque detto Chic Buarque..elogia il comunismo e vive a Parigi.
    Probabilmente potrebbe essere proprio una buona icona!

    RispondiElimina
  5. Ta bom a mensagem do video nao tem nada a ver com olimpiadas. Mas por favor neh cara! pra que ficar falando tanto mal do nosso pais assim? quero dizer Meu pais. vendo tudo q vc escreve aqui me leva a pensar que vc é so um italiano revoltado que vive no brasil. Nunca na minha vida vi um blog falando tanta mas tanta merda do brasil como esse.(serio)algumas coisas voce tem até razao maaasss cada pais com seus problemas. eu vivo na italia a quase 4 anos e sinceramente nao vejo a hora de ir embora daqui porque apesar de tudo o brasil esta bem melhor do que a italia em termo de qualidade de vida a unica coisa q realmente é horrivel no brasil é a violencia e até agora nao consegui axar um post seu sobre isso. criticar a politica e violencia e as outras coisas q nao dependem da gente(cidadoes comuns) tudo bem mas falar que vivemos em um modo de vida arcaico e nao temos pudor so me da vontade te te mandar um GRANDE VTNC. nos no brasil somos acustumados a viver de uma certa forma q nao é normal pra vcs do VELHO continente porque ainda nao conseguiram aceitar q estamos no seculo 21 e continuam vivendo na sombra dos seus antepassados. Pois aki na italia a situaçao nao està nada boa.
    volta pra italia vai!

    RispondiElimina
    Risposte
    1. certo ke sei proprio ignorante! non hai pensato ke, usando le tue stesse parole - Nunca na minha vida vi um blog falando tanta mas tanta merda do brasil como esse - se si parla così tanto è perchè c'è veramente così tanta merda in Brasile? e hai anche il coraggio di scrivere ke - o brasil esta bem melhor do que a italia em termo de qualidade de vida - ma dove cazzo vivi? dici di essere brasiliano, di MG, ma sembra ke il brasile tu non lo conosca x niente! e tu hai il coraggio di criticare questo blog? tu ke hai un blog su herbalife! ke hai un blog sulle anime giapponesi! ke segui i tuoi stessi blog!!! ma ki cazzo sei per criticare il lavoro degli altri?? ma tornate a casa tua e lascia in pace le persone con + cervello di te, praticamente tutte.

      Elimina
    2. JPaulo,il Brasile sta meglio dell'Italia come qualita' della vita?
      Personalmente vedo un'Italia in grossa crisi per mantenere qualche milione di persone che vivono alle spalle degli altri,ma comunque il reddito pro capite in Italia (in crisi) rimane tre volte superiore a quello brasiliano.
      Vogliamo parlare di servizi?
      La sanita' italiana ha i suoi difetti ma rapportata a quella brasiliana...non scherziamo.
      E l'istruzione?
      I trasporti?
      Ritieni quelli brasiliani minimamente sufficienti? Io,no.
      Il Brasile e' in crescita ...di consumi,dominato dalle banche che hanno un potere come in pochissimi altri posti al mondo,e dominano la comunicazione veicolando continuamente il messaggio che va tutto benissimo.
      L'opinione pubblica alla quale si rivolgono non e' difficile da turlupinare,ma ogni tanto qualche cosa scappa,ad esempio mesi fa il vostro ministro dell'economia ha detto che ci vorranno vent'anni perche' lo standard di vita in Brasile raggiunga livelli europei.Un lapsus freudiano?
      Stefano

      Elimina
  6. Ti ho già risposto in un precedente commento, quindi qui non ho niente da aggiungere, a parte che in questo tuo commento dimostri la tua ignoranza. Ti posso consigliare di andare a leggere altri blog sul Brasile, visto che il mio ti fa così schifo, così eviti di leggere cose che ti danno fastidio. Ne trovi tantissimi in rete che solo parlano bene di questo tuo "grande" paese. E dammi retta: volta vc para o brasil!

    RispondiElimina
  7. Era gia' stato invitato a leggere altri blog...come O Mascate...!!
    Lo legga e ci avvisi quando gli risponde con risposte di questo tenore!

    RispondiElimina